quarta-feira, fevereiro 08, 2006

PRESIDENTE DA ACADÉMICA EM BAIXO DE FOGO


Polícia Judiciária visitou Académica.
A investigação da Judiciária sobre relações menos claras entre alguns promotores imobiliários, Académica e autarquia, cuja existência o Diário de Coimbra divulgou em Setembro de 2005, conheceu ontem novos desenvolvimentos.
Segundo apurámos, elementos daquela polícia de investigação criminal deslocaram-se ontem não só à sede do clube, mas também à câmara e à casa do ex-director municipal de urbanismo e presidente da Académica, José Eduardo Simões.

3 comentários:

agente_zê disse...

pq somos livres graças ao 25 de abril Sempre!! Cravos!!! Viva o Cunhal!!

Anónimo disse...

Estão a falar da raia miúda e os efectivos decisores João Rebelo e Carlos Encranação,
A sorte deles é que quando a justiça decidir ou se chega a decidir, o que implica perda de mandatos no mínimo, eles já nem se lembram que foram autarcas no tempo em que Coimbra tem vindo a ser colocada numa situação nunca vista. Aí a culpa vai morrer solteira.

Anónimo disse...

......