sábado, dezembro 03, 2005

Fernando dos Santos Neves
Soares ou Cavaco?Para a generalidade dos portugueses, Mário Soares voltará a ser, até porque no fundo nunca deixou de ser, o "presidente óbvio" ou o "presidente propriamente dito" da República Portuguesa pós-25 de Abril.


" ... Mas competência(s) para quê? Para contabilista-economista de qualquer empresa ou até de qualquer governo (e que bom seria que os nossos ditos economistas deixassem de ser meros contabilistas e se tornassem verdadeiros economistas, para que a Economia voltasse a ser aquilo que era para A. Smith e K. Marx, a saber, a "ciência fundamental da sociedade" ou a "rainha das ciências sociais"!) ou competências para "presidente da República", a quem cabem missões bem diversas das que são próprias de qualquer ministro das Finanças ou até de qualquer primeiro-ministro (de que, aliás, Portugal está democraticamente servido para os próximos anos)?
E quer-me, de facto, parecer que, uma vez mais, o povo português, no seu conjunto e para além dos territórios da(s) Esquerda(s), saberá estabelecer as diferenças e demonstrar que, muito mais do que de um "contabilista-economista iletrado", Portugal precisa, para a Presidência da República, sobretudo de um grande "político-estadista culto, europeu e lusófono", como desde há muito conhecida e reconhecidamente provou ser o candidato Mário Soares.

Para a generalidade dos portugueses, Mário Soares voltará a ser, até porque no fundo nunca deixou de ser, o "presidente óbvio" ou o "presidente propriamente dito" da República Portuguesa pós-25 de Abril.Político- -estadista culto ou economista- -contabilista?..."

1 comentário:

BOXEXAS disse...

"o estadista culto europeu" é o derrotado para a Assembleia do Parlamento Europeu?

qual foi o cargo de relevo que Soares ocupou nos ultimos 10 anos?