terça-feira, novembro 29, 2005

MARCELO NUNO EM ENTREVISTA

( ... )
DB - Voltava um pouco atrás para pegar na questão do recrutamento de pessoal. Um ex–deputado municipal da oposição acusou o executivo de contratar dezenas de avençados que agora será obrigado a dispensar. Confirma?
MN - As contratações corresponderam ao que são as necessidades dos serviços. Em vez de se dizer que se contrataram dezenas de avençados, chamem–se os bois pelos nomes e digam o que é que se passou. Aquilo que tenho são propostas, todas elas fundamentadas pelos respectivos serviços. São contratações fundamentadas dentro do alargamento da capacidade de serviços que é inegável. Não basta dizer que se contratou porque se contratou. Veja–se, por exemplo, quantas pessoas foi preciso contratar para as piscinas, um equipamento que não existia. O caso da Polícia Municipal, que também não existia e que obrigou à contratação de dezenas de pessoas. Há, de facto, razões que justificam este aumento de pessoas. Agora, o que temos que fazer é dar enquadramento a estes funcionários, adequado àquilo que é a necessidade de cada uma das áreas. Vamos fazer esse estudo, departamento a departamento, para ver o que é que cada um precisa, como é que cada um tem que se organizar. Já dissemos igualmente que não faz sentido termos pessoas novas que trabalham muito mais do que aquelas que já lá estão e os serviços passam a apoiar–se nelas, tornando–as imprescindíveis, enquanto as que já lá estavam foram aligeirando a pressão diária. Isto não pode acontecer. Temos aqui pedidos de pessoas que querem sair de determinada área, porque têm muito trabalho. Tem é que haver a capacidade de reorganizar os serviços de modo a que haja mobilidade interna, antes de haver o recurso a contratações. Depois temos que dar enquadramento a todas as situações que estão penduradas, saber o que é necessário e resolver, e o que não é, dispensar.
DB - O mesmo ex–deputado avançou com uma denúncia para a Inspecção-Geral. Já é conhecido o resultado?
MN - Confesso que não estou por dento desse processo, mas acho bem. Há um gabinete de auditoria que não funciona, nós vamos pô–lo a funcionar porque queremos estar descansados e porque não temos que ter medo de acções inspectivas, elas são úteis e podemos sempre aprender.
Senhor Dr. Marcelo Nuno, vamos então chamar os bois pelos nomes: o que acontece é que temos vereadores a pedir a dirigentes que façam propostas para recrutarem mais avençados, os tais boys laranja, para não serem os senhores a fazê-lo. Vamos continuar a chamar os bois pelos nomes, dizendo que o que sabemos é da contratação de dezenas de avençados que nada fazem o dia inteiro mas que ganham, o mesmo ou mais que funcionários que têm anos e anos de carreira, sem prejuizo de, como em tudo na vida, haver sempre uma excepção que confirme a regra.
Por último, o gabinete de auditoia não funciona? Fala de um jeito que parece que o PSD acabou de chegar à CMC. Meu caro, o gabinete de auditoria foi criado pelo PSD quando chegou à Câmara e não funciona porque esse mesmo PSD e CDS não quiseram que funcionasse.

5 comentários:

Anónimo disse...

So para avisar.
O Luis Cepa e o Sardet ja andam aí pela Lusa Atenas a dar com a lingua nos dentes a dizer quanto ganham, como foi feito o negociozito e à quanto tempo!
Mete malós, sardets, cepas e o assessor do pina, até o irmao do sardet que trabalha no Estadio ganha!

Se não tens cuidado é outro gate! Quem te avisa teu academista é!

Bem prega frei Maló, mas o povo não é tótó!

Um abraço brioso,

JN

squizo disse...

por falar em auditoria: cadê a dita auditoria pedida às contas da gestão de Machado?

Anónimo disse...

UMA ORAÇÃO PELO BLOG
Parece que o milagre das rosas desapareceu mesmo. Paz à sua alma e o apelo ao autor para que regresse. É que fiquei sem saber os Jobs da familia PSD e além disso o titulo de primeira pagina do Campeão das Provincias sobre a DREC veio provar que estava bem informado. Será que o autor era o mesmo do PUMPUMPUM? É que um desapareceu quando apareceu o outro, agora desapareceu o Milagre... Só havia um pormenor não coincidente: Um era pró- Ricardo Castanheira. O outro morreu (?) por causa da Juventude Socialista, com criticas ao Ricardo. E o Ricardo em sossego que é o que faz melhor. Mas deve estar atento à entrevista do Paulo Penedos!

Anónimo disse...

Comentários: UMA ORAÇÃO PELO BLOG
Ricardo Castanheira???? Quem é esse? será o tal que tentou fazer uma lista conjunta PS/PSD para a AAC/DG com o objectivo de tirar de lá os chamados independentes. Será que é o mesmo puto que organizou um encontro num hotel de Coimbra para convencer os JSD para votarem nele e que depois foi eleito para a assembleia da República e simplesmente "CAGOU" para a AAC/Dg e agora está muito empenhado nas eleições da AAC/OAF e diz que "sempre foi academista" Será esse? Não acredito que seja, pois esse que eu falo aqui, jamais teria coragem ou pudor em voltar a aparecer! Enviado por dfgdfg em dezembro 13, 2004 04:43 PM

Politicae disse...

Peço que oscomentadores não venham para o blog trzer assunto que nada têm a ver com as notícias pulicadas.