sábado, novembro 19, 2005

Prémios Figueira Fantasia 2005

O nosso vizinho tem uma boa iniciativa que merece ser divulgada: os Prémios Figueira Fantasia 2005, o Politicaehouse decidiu prestar uma pequena ajuda ao nosso vizinho, para isso basta que enviem dicas (sobre quem gostariam de ver premiado) e sugestões (o porquê de fulano ou sicrano serem premiados ou que prémio atribuir) para este endereço de e-mail: figueirafantasia@gmail.com .

Vamos recordar alguns dos prémios do ano passado:

Prémio “E a mim prometeram-me um lugar na vereação” – João Portugal (o líder distrital da juventude socialista é um justo vencedor devido à lapidar frase “nunca foi tão fácil ganhar as eleições autárquicas [na Figueira]”).

Prémio “Tenho brevet mas não voo” – António Paredes (Opositor declarado à candidatura de Luís Marinho, o líder de secção de Buarcos do PS alertou que candidato à Câmara “não é quem quer mas quem pode”. E atalhou: “quando era pequeno também queria ser piloto de aviões”. Fica em terra a treinar loopings e piruetas várias).

Prémio “Centro de sondagens” – Vítor Batista (mais um mau actor na comédia teatral socialista. Quer ser candidato à força, mas o melhor que consegue é ser desautorizado no partido. O seu nome aparece bem colocado em sondagens que ninguém conhece nem nunca ninguém viu).

Prémio “Sentido obrigatório” – Lídio Lopes (o delegado municipal de segurança e trânsito, presidente dos bombeiros, assessor de obras urbanas municipais, chanceler de confraria e chefe de gabinete do Presidente da Câmara - ufff! - deixou toda a gente estupefacta quando revelou que não tem qualquer poder na autarquia. Nem capacidade para ler o futuro nas estrelas. Ainda assim, caminha a passos largos para vereador - finalmente - executivo. Pode ser que passe a falar à vontade nas reuniões).

Assim vão os Blogs do Distrito...

Sem comentários: